Breve Histórico

A Associação Brasileira de Educação Especial (ABPEE) foi criada em 13/08/1993, na cidade do Rio de Janeiro e conta atualmente com cerca de 350 afiliados. Trata-se de uma sociedade civil de direito privado, sem fins lucrativos, que tem por objetivo congregar pesquisadores da área de Educação Especial, promover e/ou apoiar conclaves científicos, cursos de aperfeiçoamento e especialização, em parceria com universidades; e manter um veículo de publicação visando à disseminação e a socialização do conhecimento científico na área de Educação Especial.

A ABPEE surge com a finalidade de garantir a manutenção da Revista Brasileira de Educação Especial que tinha tido seu primeiro número em 1992.  A publicação desse periódico estabeleceu sua regularidade a partir de 2001 e atualmente é classificado com o conceito A2 no Qualis/CAPES. A partir da regularização de seu periódico, a ABPEE ao completar seus 15 anos de existência, ousou investir em novas metas e promoveu, juntamente com o PPGEES da UFSCar, seu primeiro evento científico de âmbito nacional, que foi o I Congresso Brasileiro de Educação Especial realizado em 2003.

O histórico do PPGEES de promover eventos na área de Educação Especial teve seu início em 1982, com a realização do primeiro da série denominada “Ciclo de Estudos sobre Deficiência Mental”, que era a princípio um espaço interno de intercâmbio interno entre alunos e docentes. Durante a década de 80 os ciclos passaram a atrair cada vez os mais pesquisadores e profissionais da área, de todo o país, o que denunciava a falta de espaços suficientes para discussões sobre a Educação Especial nesse período.

Atendendo a demanda constatada, o PPGEES optou por socializar o evento, e os “Ciclos de Estudos sobre Deficiência Mental” passaram a se configurar num importante espaço para o intercâmbio científico no país. Embora a relevância dos eventos científicos em Educação Especial tenha se ampliado ao longo dos anos, a partir da 8ª versão do ciclo, realizada em 1995, o PPGEES teve dificuldade em obter financiamento das agências e a organização dos ciclos teve que ser temporariamente suspensa.

A partir de 2003, a ABPEE e o PPGEEs se uniram para recuperar o espaço de intercâmbio científico específico na área, e juntos promoveram O “I Congresso Brasileiro de Educação Especial/I Encontro da Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial”. Desde então foram realizadas a segunda, terceira, quarta, quinta e sexta edição do evento, no campus da Universidade Federal de São Carlos, em 2005, 2008,  2010, 2012 e 2014 respectivamente.

Os resultados da última edição deste evento, o VI CBEE, no ano de 2014 foram:

  • Apresentação de 885 trabalhos de pesquisa da área de Educação Especial (609 na forma de comunicação oral e 387 pôsteres);

  • Realização de uma Conferência de Abertura, 19 Mesas-Redondas e 13 Simpósios;

  • Oferta de 44 minicursos sobre temáticas consideradas relevantes da área;

  • Participação de 118 pesquisadores convidados, provenientes de universidades brasileiras das cinco regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste, entre eles sete eram estrangeiros provenientes de 11 universidades estrangeiras (University of Nevada – EUA, Università degli Studi di Cagliari – Itália, Universidad de La Republica-Uruguai, University of Georgia – EUA, University of Northampton – Inglaterra, Illinois State University – USA, Universidade de Holguin Oscar Lucero Moya – Cuba e INSHEA – França).Publicação de um livro do programa;

  • Lançamento de 56 livros;

  • Criação e publicação da uma página na web dos anais contendo todos os trabalhos completos aprovados para a apresentação na íntegra (Link: http://proceedings.galoa.com.br/cbee).

  • Participaram pessoas provenientes de 9 países. Em relação ao Brasil os participantes eram provenientes de 24 estados e do Distrito Federal.

 

Região

Sudeste

Sul

Centro-oeste

Nordeste

Norte

Estados 

SP

MG  

RJ

ES

479   

63

126

57   

RS

PR  

SC

78    

96

37

GO

MT 

MS

26

35

36

BA

PE

CE

Ma

Paraíba

RN

AL

PI

SE

78

8

5

33

17   

13

15

20

14

PA

AM  

RO   

AP

RR    

120

31

5      

14

1

Total

725

211

97

203

171

Total

1407

 

  • Participação de pesquisadores e estudantes provenientes 37 universidades federais, 18 estaduais, 57 IES particulares;

  • Participação de profissionais de 15 Secretarias de Educação Estaduais, 32 Secretarias de Educação Municipais além de instituições de atendimento especializado, escolas, entre outros.

  • Participação de 1.407 participantes, provenientes de todas as regiões do país.

Assim, os resultados da sexta edição do evento, evidenciam a consolidação do CBEE e o fato de que este vem cada vez mais se tornando num dos mais importantes fóruns de intercâmbio entre profissionais que atuam em Educação Especial na atualidade em nosso país.